GRAMEIRA 11111
GRAMEIRA 1
Prêmio

Pabllo Vittar leva prêmio de ‘Melhor Artista Brasileiro’

A brasileira cantou “Flash Pose” no tapete vermelho e ganhou na categoria “Melhor Artista Brasileiro, que concorria ao lado de Anitta, Ludmilla, Emicida e Kevin O Chris.

05/11/2019 13h19Atualizado há 2 semanas
Por: REDAÇÃO

A edição deste ano do MTV European Music Awards aconteceu neste domingo (3) e foi equilibrada. Billie Eilish, BTS, Halsey e Taylor Swift empataram com dois prêmios cada.
Pabllo Vittar foi o destaque brasileiro da premiação que aconteceu em Sevilha, sul da Espanha.

A brasileira cantou “Flash Pose” no tapete vermelho e ganhou na categoria “Melhor Artista Brasileiro, que concorria ao lado de Anitta, Ludmilla, Emicida e Kevin O Chris.

“Quero agradecer a todos que viciaram a bateria do celular votando, que acreditaram na gente e que dedicou um minuto do seu tempo para poder votar em mim!”, agradeceu a cantora no Twitter.

Shawn Mendes venceu na categoria de melhor cantor do ano, e Billie Eilish foi melhor artista revelação e intérprete de melhor canção por “Bad Guy”.
“Agradeço por este prêmio de melhor! Adoro vocês!”, afirmou a americana Billie Eilish em um vídeo transmitido durante a cerimônia que aconteceu no sul da Espanha.

Taylor Swift, melhor artista americana e melhor videoclipe por “Me!”, e Halsey ganhou como melhor artista de Pop e melhor look. Já o grupo coreano de k-pop BTS conquistou dois MTV EMAs nas categorias melhor artista ao vivo e maiores fãs.

Com maior número de indicações (sete), Ariana Grande saiu de mãos vazias em uma festa dominada pelas mulheres, que levaram nove dos 15 principais prêmios.

A premiação também fez uma homenagem ao DJ sueco Avicii, ao
O DJ Avicii, que morreu aos 28 anos em 2018, está na lista de vencedores. Pouco mais de um ano após a sua morte, o DJ foi homenageado como “Melhor Artista Sueco”.
Criados em 1994, os MTV European Music Awards são um dos dois mais importantes eventos organizados pela emissora, junto com os Video Music Awards. Este último acontece todo o ano nos Estados Unidos, desde 1984.